Bem vindo 2016?


Mesmo o ano estando no seu segundo mês, ainda não tive tempo de refletir sobre os meus desejos para 2016. Sempre, no dia 31 de dezembro, preferi deixar as metas abertas para o ano que iria iniciar. Apenas esperar o ano novo de pijamas com um bom livro me bastava. 

"Não vamos colocar metas. Vamos deixar as metas abertas mas, quando atingirmos as metas, vamos dobrar as metas - Rousseff, Dilma. "

Este ano quis experimentar algo diferente. Sai do comodismo da minha cidade natal em 2014, para cursar jornalismo em Porto Alegre. Desde então, muita coisa que planejava vem sendo procrastinada desde que consegui entrar na faculdade. Não que a universidade tenha me deixado preguiçosa, muito longe disso, mas parece que quando conseguímos alcançar um grande objetivo, os outros desejos ficam em segundo plano. 




Pensando em estímulos optei por iniciar essa jornada, em busca dos desejos perdidos, criando um blog - algo que prometia a alguns anos. O Procura-se ideias não é um diário, digamos que ele serve mais como um bloco de anotações, ou minha vitrine para uma nova era. 

Há diversas coisas legais que descobri com toda a mudança de rotina que tive, todo um universo de hobbys, projetos e interesses maneiros que deveriam ser registrados em algum lugar. Não sou a estudante de jornalismo que ingressou na faculdade querendo "salvar o mundo" ou "pronta para contar histórias", mas sem dúvida quero deixar coisas interessantes marcadas. 

É isso. Vamos iniciar a viagem! 






Deixe sua opinião