Já jogou GTA V hoje?

Seguindo a tradição de não falar sobre lançamentos (porque eles são caros) chegou a hora de comentar GTA V. Se há um jogo que não consegue sair de dentro do meu ps3 é esse. Depois de virar a história decidi me aventurar na modalidade online e dali nunca mais sai. Todo mundo já deve ter jogado GTA uma vez na vida e para muitos esse não é o jogo mais sensacional do mundo, mas confesso que alguma coisa me faz ficar online nesse mundo até hoje. 

Vamos por partes, começando pela história principal. 

É um jogo de mundo aberto (claro, eu amo mundo aberto) e aqui tu pode ser um criminoso por algum tempo. É um jogo de ação da Rockstar que já tem outras versões, com personagens e histórias diferentes. Nos jogos anteriores, tu controlava apenas um personagem e completava as missões. O diferencial de GTA V é poder ter acesso a 3 caras, o Michel, o Trevor e o Franklin. Michel já se conhecem e eram parceiros de crime no passado, suas histórias de cruzam com a de Franklin após um bom tempo. 

Os 3 personagens não são liberados ao mesmo tempo. A história tem camadas e tudo inicia com um filmezinho para entendermos melhor do que se trata esse jogo. Michel no passado era parceiro de Trevor e Brad, até que depois de um assalto a banco algo dá errado e em um cerco da polícia, Brad e Michel são baleados. Trevor consegue fugir, Brad morre e Michel faz um acordo com os cops: troca a sua história com a do amigo e dessa forma some do mapa. Para Trevor, Brad está preso e Michel morto e depois de muitos anos suas vidas voltam a se cruzar quando ele descobre que toda a história que conhecia era uma farsa. 

O jogo começa sob os controles de Michel. O cara agora é rico, mora em uma região de alto padrão e tem o sonho de ser cineasta. A família dele é uma merda e é entre missões relacionados a ela que o cara conhece o Franklin. Esse personagem é pobre, mora em um local já conhecido, em Los Santos (região conhecida de GTA San Andreas - juro que é possível ver a rua do CJ nesse jogo ). Franklin é um assaltante de carros e procura algo melhor na vida. Michel e Franklin assaltam um banco não por diversão, mas sim, porque precisam de dinheiro e a história repercute tanto que Trevor fica sabendo dos detalhes do crime e na hora percebe que aquilo tudo só poderia ter o dedo de seu falecido amigo, Michel. 

Trevor é um traficante e sonha em montar uma fábrica que fabrique e entregue drogas. Ele se manda para a cidade com desejo de vingança após descobrir que Michel está vivo. É dentro dessa história que o jogo vai se desenvolvendo e o jogador pode trocar de personagem a qualquer momento, ou para fazer missões ou para ficar vagando pela cidade. 

Tá, mas o que de tão legal esse jogo tem, Marcela?

Muita coisa. tem horas que quero morar dentro do jogo porque as regiões são bem detalhadas. Os gráficos são muito bons e tu começa a perceber isso enquanto está dirigindo com o entardecer no horizonte. É bem semelhante com a realidade. 


O mapa é bem mais complexo que os demais jogos. Há apenas uma cidade, que é Los Santos, mas nela há 3 grandes regiões: a cidade LS, LS County e Blaine County. A distancia de uma região a outra às vezes dá vontade de ter um botão de teletransporte, mas como há situações aleatórias que surgem no meio das missões e dos caminhos, as vezes a monotonia do trajeto da cidade até a região rural é quebrada porque alguém pede socorro e tu pode ou não ir ajudar.

Além das missões para virar o jogo, tem as situações aleatórias, metas a serem alcançadas e conteúdos a serem coletados. Há peças de um avião caído que o Trevor tem que coletar no fundo do mar, fragmentos de uma carta secreta espalhados por toda a cidade e também saltos únicos a serem cumpridos. O jogador mais curioso e também perfeccionista pode passar mais alguns dias em volta desses detalhes. 


O MUNDO ONLINE. 
Depois de zerado, queria continuar jogando e o online veio suprir a necessidade de mais missões. Aqui tu monta o teu personagem e entra no mundo aberto. A meta é crescer e se tornar um criminoso poderoso dentro de Los Santos e para isso é possível realizar golpes e completar serviços para personagens conhecidos do modo história. 

Se você jogar esse modo, por favor, não saia no meio da sessão de um golpe. Quem continuar jogando dessa forma pode competir com jogadores do mundo todo. É interessante que andar na rua exige mais cautela: há objetivos diários a serem batidos e em alguns deles é pedido a cabeça de outros jogadores, ou seja, ande sempre armado e pronto para atirar no primeiro jogador que aparecer. 

No mundo do crime também há luxo e com o dinheiro que se acumula é possível adquirir propriedades. Pequenos ou grandes apartamentos, além de roupas e veículos. Se tu der sorte, tu pode cair em uma sessão bugada e ali vai REALMENTE chover dinheiro. Fica fácil ser milionário. 


Deixe sua opinião